Destaque

Zumbi vive! 20 de Novembro dia de luta antirrascista no Brasil

Há mais de três séculos morria Zumbi dos Palmares, especificamente, em 20 de novembro de 1695. Zumbi morreu lutando contra a escravidão, tornando-se um dos maiores ícones na luta abolicionista. 

Pode parecer mentira, mas ainda vivenciamos uma grande batalha cotidiana na luta pela igualdade racial. Sendo assim, o Dia da Consciência Negra, é celebrado nesta data 20 de novembro em memória de Zumbi destacando assim a importância da luta e resistência do povo negro. 

Dia Nacional da Consciência Negra 

Um  projeto de Lei 10.639, do dia 9 de janeiro de 2003, foi apresentado na Câmara, porém o projeto foi sancionado somente pela presidenta Dilma Rousseff (Lei 12.519/2011). Ou seja, o Brasil celebra oficialmente essa data desde 2011, há apenas uma década. 

É importante neste dia trazer para o cerne das discussões o racismo, afinal, essa problemática continua sendo um dos maiores desafios para o povo preto em nosso país.  Seja ele velado ou não, o racismo precisa ser combatido diariamente. 

Quem foi Zumbi? 

Zumbi dos Palmares foi o último líder do maior quilombo que já existiu no Brasil: o Quilombo dos Palmares. Ele nasceu em liberdade na Capitania de Pernambuco, região da serra da Barriga. Ele foi um grande guerreiro na luta pela liberdade dos negros.  Como líder dos Palmares ele comandou a resistência contra as tropas do governo. 

Não há muitas informações sobre a sua vida, porém há informações de que ele era casado com Dandara, que guerreava ao lado dele. 

A sua morte ocorreu em uma emboscada e ele foi decapitado. Infelizmente  um de seus companheiros, Antônio Soares revelou sob tortura o seu local de esconderijo.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − 1 =

Botão Voltar ao topo