BrasilDestaqueEntretenimentoNotíciasSaúde

VÍDEO: cientista mostra quantidade de bactérias que podem ser ingeridas durante consumo de cerveja em lata

Se você é daqueles que já vão emendar as comemorações do Carnaval a partir desta sexta-feira e ama uma cervejinha, este texto é para você. Isso porque um mundo microscópico pode acabar com a sua folia antes da hora.

Quem explica os impactos desses seres minúsculos no nosso dia a dia é o microbiologista Bruno Brunetti, que publicou um vídeo mostrando a diferença da quantidade de bactérias entre uma lata lavada e uma não lavada.

O intuito do microbiologista ao fazer as gravações foi de alertar as pessoas para a correta higienização de embalagens antes de consumo. O vídeo fez tanto sucesso que superou a marca de 4 milhões de visualizações no início deste ano.

Ainda de acordo com Bruno, não é necessário nenhum produto químico radical para evitar as bactérias.

“A mera higienização com água e sabão, como apresentado no vídeo, resolve o problema quase que por completo. E isso não é uma questão só das latas de bebida. Qualquer lata, seja de alimentos, de bebidas, de conservas, pode ser limpa desta forma e diminui muito as chances de contaminação”, resume.

Veja o vídeo abaixo:

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − 6 =

Botão Voltar ao topo