MundoNotícias

Terremoto deixa quase 1 milhão de desabrigados no Chile

Cerca de um milhão de chilenos ainda tentavam, nesta quarta-feira (2), voltar para suas casas e contabilizar as perdas após um terremoto ao norte do Chile, de 8,2 graus de magnitude, ocorrido na noite da última terça-feira (1º). Por causa do tremor, seis pessoas morreram e  4.329 quilômetros de litoral foram afetados. A presidenta Michelle Bachelet decretou zona de catástrofe nas regiões mais atingidas que são: Arica, Parinacota e Tarapacá.  O mar avançou quase 200 metros, segundo o governo, e inundou avenidas. O tremor e o tsunami forçaram autoridades do país a esvaziar partes de algumas cidades e a emitir alertas para toda a costa do Pacífico Sul e da América Central. Os alarmes soaram no vizinho Peru, onde o terremoto foi sentido com força e as principais cidades do sul foram isoladas, e até no Equador.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo