DestaqueEducaçãoNotíciasRegião

Integrantes do Coletivo Dandaras da UFSB estão entre os 5 finalistas do Prêmio Jabuti 2021 na modalidade Crônica; cruzalmense está entre autoras

O livro de “De bala em prosa: vozes da resistência ao genocídio negro”, publicado pela Editora Elefante, está entre os cinco finalistas no Prêmio Jabuti 2021. As integrantes do Coletivo Dandaras participam do livro com o texto “Morte encomendada: mata que é negro!”, das autoras: Danielle Ferreira Medeiro da Silva de Araújo, natural do Rio de Janeiro/RJ, Doutora em Estado e Sociedade (PPGES/UFSB) e professora da Faculdade Pitágoras – Eunápolis, assessora legislativa em Porto Seguro – BA; Eva Dayane Almeida de Góes, natural de Salvador, Doutoranda em Estado e Sociedade (PPGES/UFSB); Walkyria Chagas da Silva Santos, natural de Cruz das Almas/BA, Doutora em Estado e Sociedade (PPGES/UFSB), professora da Universidade Federal do Tocantins.

Em “Morte encomendada: mata que é negro!”, as autoras abordam as várias formas de morte que atingem a juventude negra e o racismo estrutural. Priorizaram o recorte do racismo epistêmico que exclui historicamente múltiplos saberes que integram o processo de construção do conhecimento, sinalizando a importância das pluralidades dentro da Academia.

As autoras são fundadoras do Coletivo Dandaras, um grupo formado majoritariamente por mulheres e que reúne acadêmicos de todo o país para auxiliar no ingresso de candidatos com perfil de Ações Afirmativas dentro das Universidades brasileiras. O projeto que nasceu em 2018 já beneficiou mais de 150 acadêmicos, reunindo mais de 20 doutorandoa e doutores em monitorias voluntárias de projetos de pesquisa.

Para as autoras é uma grande felicidade a indicação do livro e uma vitória coletiva de vozes que precisam se fortalecer dentro da nossa sociedade. É também uma oportunidade de valorização da nossa intelectualidade enquanto mulheres negras.

A Cerimônia de Premiação acontecerá no dia 25 de novembro de 2021, às 19h, a transmissão será ao vivo no canal da Câmara Brasileira do Livro CBL, https://www.youtube.com/user/comunicacaoCBL/videos.

O livro está disponível para download gratuito no link: https://elefanteeditora.com.br/produto/de-bala-em-prosa/

Primeiras Doutoras

Na semana passada, o Bahia Recôncavo divulgou texto do Coletivo Dandaras sobre a formação das primeiras Doutoras na UFSB. A cruzalmense Walkyria Chagas e a carioca Danielle Araújo foram as pós-graduadas.

Fonte: Coletivo Dandaras

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 1 =

Botão Voltar ao topo