EsportesNotícias

Gol de Obina no final salva Bahia da derrota contra o Criciúma

Mesmo com um futebol apático, o Bahia conseguiu empatar com o Criciúma nesta noite de quarta-feira (11), em 2 x 2, na Fonte Nova, em partida válida pela 20º rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, após estar perdendo por 2 x 0. Com este resultado, o tricolor, que vai encarar o Coritiba, domingo (15), no Couto Pereira, pulou para a 12º posição na tabela de classificação da competição.

Criciúma domina e marca duas vezes
O Criciúma não perdeu tempo desde o início do jogo e abriu o placar logo aos oito minutos. Após cobrança de falta de Sueliton, da esquerda, a bola bateu na trave de Marcelo Lomba e nos pés de Feijão, que, em um lance infeliz, colocou contra a própria rede.

Pressionado pelo seu torcedor, o Bahia partiu com tudo para tentar o empate e por pouco não conseguiu aos dez minutos. Fernandão recebeu passe na entrada da área e bateu forte, rasteiro, tirando tinta da trave de Galatto.

Errando muitos passes, o tricolor tentou assustar em bolas paradas. Aos 28, em cobrança de escanteio, a bola ficou livre na área, mas Fernandão não conseguiu concluir em gol mais uma vez.

Sem espaços e sofrendo com a forte marcação catarinense, o jeito para os mandantes era arriscar de longe e em uma dessas tentativas levou perigo a Galatto. Hélder soltou a bomba da intermediária, mas errando o alvo.

Mas, com muita inteligência, em rápido contra-ataque, o Tigre ampliou aos 34. Morais mostrou sua categoria ao receber passe na entrada da área e tocar para Lins, por cima da zaga tricolor. O atacante bateu na saída de Lomba e fez a festa.

E antes do fim da etapa inicial, o tricolor teve sua última chance para diminuir o prejuízo. Talisca recebeu cruzamento de Angulo e testou firme, para a linda defesa de Galatto.

Tricolor luta e empata no final
Precisando reverter o quadro negativo, o tricolor retornou para o segundo tempo cheio de alterações e bastante ofensivo. E por conta disso, passou a dar espaços ao Criciúma. Logo aos três minutos, Marcel foi lançado e ficou sozinho com Titi, que conseguiu cortar o lance.

Mais organizado, o Criciúma chegou com perigo ao gol de Lomba mais uma vez aos 14. Gilson, ex-lateral do Vitória, partiu com velocidade pela esquerda e cruzou na medida para Lins, mas Lucas Fonseca tirou antes da finalização.

O time mandante só deu a resposta aos 21, com Fernandão. Livre de marcação na intermediária, o centroavante tricolor arriscou o chute com a perna esquerda e obrigou Galatto a fazer uma grande defesa.

Mas, mesmo atuando abaixo da expectativa, o tricolor baiano conseguiu diminuir aos 27. Fernandão sofreu pênalti de Ewerton Páscoa e ele mesmo bateu, no meio do gol de Galatto, sem chances para o arqueiro catarinense.

Na base do desespero, o tricolor partiu com tudo em busca do empate e aos 38 teve a chance disso. Barbio entrou com velocidade pela direita e cruzou para Wallyson, que não conseguiu alcançar para completar a jogada.

Sem muitas oportunidades, o tricolor chegou ao empate aos 20. Obina, que havia entrado no intervalo, mostrou que tem brilho ao receber cruzamento no escanteio para testar firme, no fundo das redes de Galatto.

Na sequência do lance, o Tigre por pouco não faz o terceiro. Elton recebeu sozinho dentro da área e, de cara com Lomba, conseguiu bater por cima da trave tricolor. Fonte: Bahia Notícias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo