BrasilDestaqueEsportesNotícias

Final da Copa América não terá público liberado no Maracanã, define secretaria

A final da Copa América, no Maracanã, não terá público liberado. Nesta quinta-feira (8), a Secretaria Municipal do Rio de decidiu rejeitar a ideia da Conmebol. A informação foi divulgada por meio de nota. O jogo, entre Brasil e Argentina, está marcado para o próximo sábado (10), às 21h.

Contudo, a entidade e o órgão municipal ainda discutem se poderá haver convidados dos atletas no estádio – no máximo dois, segundo o site ge.globo. Além disso, autoridades e convidados também participariam.

Todos deveriam ter testado negativo para a Covid-19 nas últimas 48 horas para ter o credenciamento aprovado. As autoridades de saúde ainda não deram resposta a essa possibilidade.

Vale lembrar que, em 31 de janeiro, cerca de cinco mil pessoas assistiram à decisão da Copa Libertadores, torneio de clubes organizado pela Conmebol.

Confira a nota completa da Secretaria Municipal de Saúde do Rio: 

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) não autorizou a proposta da Conmebol com retorno de público aos estádios.

Na manhã desta quinta-feira (08), em reunião da Conmebol com a área técnica da SMS, da Secretaria de Estado de Saúde e da Secretaria Municipal de Esportes foi solicitada a possibilidade de permitir um público restrito no estádio com pessoas credenciadas e testadas para a covid-19, garantindo o distanciamento entre os lugares e com menos de 10% da capacidade do Maracanã.

As SMS e SES estão analisando a solicitação.

Fonte: Bahia Notícias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo