CulturaDestaqueNotícias

ESPECIAL 124 ANOS DE CRUZ DAS ALMAS: A EMBRAPA

A Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária tem 43 Unidades no país, uma delas, é a Embrapa Mandioca e Fruticultura, a única situada na Bahia, há 46 anos, mais precisamente, em Cruz das Almas. Nesses 124 anos de emancipação do município, a Embrapa faz parte dessa história e contribui com o desenvolvimento municipal. Venha conhecer com a gente.

HISTÓRIA

A Embrapa Mandioca e Fruticultura surgiu a partir do Instituto Agronômico do Leste (IAL), construído na década de 1950, posteriormente Instituto de Pesquisa e Experimentação Agropecuária do Leste (Ipeal), vinculado ao governo federal, cuja missão era desenvolver tecnologias para a agricultura regional. Destacava-se, na época, o trabalho com a citricultura.

A atual unidade de pesquisa foi instituída oficialmente em 13 de junho de 1975 com o objetivo de executar e coordenar pesquisas para o aumento da produção e da produtividade, a melhoria da qualidade dos produtos, a redução dos custos de produção e a viabilização do aproveitamento de áreas subutilizadas para mandioca e fruteiras tropicais. Passou, assim, a ter uma missão focada em culturas (atualmente mandioca, citros, abacaxi, banana, mamão e maracujá) e com abrangência nacional.

Ocupa uma área de 260 hectares e dispõe de moderna infraestrutura que inclui 16 laboratórios, casas de vegetação, estufas, telados, biblioteca, centro de treinamento de mandioca e campos experimentais com nove coleções de espécies e variedades de mandioca e fruteiras, compostas por mais de quatro mil acessos. Conta com 183 empregados, sendo 65 pesquisadores. Na área de suporte à pesquisa, são 45 analistas, com formação universitária, alguns com pós-graduação, 30 técnicos e 43 assistentes em laboratórios, campo experimental e setores administrativos.

O corpo de pesquisadores tem excelente formação acadêmica, com ampla experiência desde recursos genéticos até a socioeconomia, passando por melhoramento genético, fitotecnia, fitossanidade, nutrição vegetal, irrigação, fisiologia vegetal e manejo pós colheita. Já no suporte à pesquisa, atuam nos laboratórios, campos experimentais e setores administrativos os analistas, com formação universitária, diversos com pós graduação e os técnicos e assistentes.

A IMPORTÂNCIA DA EMBRAPA PARA CRUZ DAS ALMAS

A presença da Embrapa é muito importante para o desenvolvimento do município de Cruz das Almas. Com os recursos orçamentários anuais estimados em aproximadamente 33 milhões de reais, incluindo empregos diretos, serviços terceiros (limpeza e vigilância), estagiários e jovens aprendizes, a empresa proporciona para o município, e outras cidades do Recôncavo da Bahia, um impacto econômico positivo através do comércio, serviços e impostos.

A Embrapa Mandioca e Fruticultura contribui para a formação de recursos humanos através das oportunidades de estágios e bolsas de estudo para estudantes de nível médio e superior e pós-graduação. A empresa também é uma das instituições que integram a Rede Solidária Cruz: vamos cuidar de quem mais precisa! Uma rede que integra instituições públicas, privadas, entidades de classe e outros. Um fator importante é a participação da instituição no Conselho Municipal de Meio Ambiente (Commam), cuja função é formular e controlar a execução das políticas públicas na área de meio ambiente.

A EMBRAPA NO ESTADO DA BAHIA

A Embrapa Mandioca e Fruticultura compõe a Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Mandioca e também a Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Citricultura. As duas são fóruns organizacionais e permanentes com a finalidade de harmonizar as partes atuantes, aumentando a eficiência das cadeias produtivas e a eficácia das políticas públicas no Estado, conduzindo à sua maior competitividade.

Quanto à agricultura orgânica, tem assento na Comissão de Produção Orgânica da Bahia (CPOrg), composta por membros de entidades governamentais e não governamentais, que coordena ações de fomento à agricultura orgânica, sugerem adequação das normas de produção e de controle da qualidade, ajudam na fiscalização e propõem políticas públicas para o setor.

A EMBRAPA EM ÂMBITO FEDERAL

A Embrapa Mandioca e Fruticultura se faz presente nas câmaras setoriais e temáticas, elas propõem, apoiam e acompanham ações para o desenvolvimento das atividades das cadeias produtivas do agronegócio brasileiro, são elas: Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Citricultura; Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Fruticultura; Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Mandioca e Derivados.

Chefes da Embrapa Mandioca e Fruticultura durante os 46 anos da Embrapa mandioca e Fruticultura:

– Raimundo Fonseca (1975 – 1979);

– Mário Augusto Cunha (1979 – 1985);

– Alino Santana (1985 – 1988);

– Amélio Dall’Agnol  (1989-1990);

– Orlando Passos (1990 – 1995);

– Sizernando Oliveira (1995 – 2000);

– Mário Augusto Cunha (2000 – 2004);

– José Carlos Nascimento (2004 – 2009) in memorian;

– Domingo Haroldo Reinhardt (2009 – 2015);

Alberto Vilarinhos (2015 até o momento);

Texto: Orlando Oliveira Silva

Edição de imagens:

Tiago Maia e Orlando Silva

Cinegrafistas:

Orlando Silva e Tiago Maia

Fontes:

https://www.embrapa.br/mandioca-e-fruticultura/noticias/-/noticia/62774968/embrapa-mandioca-e-fruticultura-comemora-46-anos-em-evento-virtual

https://www.embrapa.br/mandioca-e-fruticultura/apresentacao

https://www.embrapa.br/mandioca-e-fruticultura/infraestrutura

https://www.embrapa.br/mandioca-e-fruticultura/responsabilidade-socioambiental

https://www.embrapa.br/mandioca-e-fruticultura/noticias/-/noticia/62774968/embrapa-mandioca-e-fruticultura-comemora-46-anos-em-evento-virtual

https://www.embrapa.br/mandioca-e-fruticultura/busca-de-noticias/-/noticia/51287435/embrapa-mandioca-e-fruticultura-lanca-campanha-para-arrecadar-doacoes

Imagens:

– Arquivo da Embrapa Mandioca e Fruticultura(fotografia);

– Orlando Oliveira Silva (fotografia e vídeo Segurança do Trabalho);

– Rômulo da Silva Carvalho (imagens do drone).

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo