CulturaRELIGIÃO

São Pedro: considerado fundador da Igreja Católica, festa para o Santo encerra o ciclo junino

Por Ivana Moreira

O mês de junho está chegando ao fim, marcado pelas tradicionais festas juninas, também é um período com bastantes comemorações religiosas. Assim, para os fiéis da Igreja Católica, durante esse mês é possível celebrar três principais Santos: Santo Antônio, São João e São Pedro. As comemorações para Santo Antônio abrem o mês de junho e vão até o dia 13, já São João, festejado no dia 24 de junho, celebra o nascimento de João Batista, considerado o profeta que previu o advento do Messias na pessoa de Jesus Cristo.

Santo Antônio, São João e São Pedro (Reprodução/NE10 Interior)

29 de junho – dia de São Pedro

Em todos os estados do Brasil, nesta terça-feira (29), celebrações e homenagens foram dedicadas ao padroeiro dos pescadores e das viúvas. Assim, São Pedro é considerado o primeiro papa da Igreja Católica e fundador dessa denominação. Porém, devido à pandemia da covid-19, as celebrações ocorreram de forma restrita e com transmissões on-line. Em alguns locais, aconteceram também carreatas com a imagem de São Pedro, passando pelas principais ruas. Além disso, em algumas cidades, as homenagens começaram ainda na madrugada desta terça-feira (29), com a alvorada – queima de fogos – e com festejos durante toda o dia.

História 

São Pedro era conhecido como Simão e era pescador na região do mar da Galileia. Porém, após ser chamado por Jesus para parte do grupo dos 12 apóstolos, passou a chamar-se Pedro e tornou-se o líder dos apóstolos. Então, após a morte, ressurreição e ascensão de Jesus, Pedro assume a liderança dos trabalhos. Sendo assim, ele é considerado o primeiro bispo de Roma, isto é, o primeiro papa da história da Igreja Católica.

Por fim, conclui-se que a missão do Santo era dar continuidade ao trabalho missionário iniciado por Jesus Cristo, assim, Pedro segue junto com os outros discípulos pregando o evangelho nas áreas do Império Romano. Sua missão seguiu até aproximadamente o ano 67. A sua morte aconteceu por ordem do Império Romano, através da crucificação. Vale ressaltar que diferentemente de Jesus, Pedro foi crucificado de cabeça para baixo.

São Pedro é considerado fundador da Igreja Católica e sua festa encerra o ciclo junino. Foto: Divulgação/Diocese de Sete Lagoas

Padroeiro de Muritiba

Na região do Recôncavo, São Pedro possui uma forte tradição em Muritiba, como padroeiro da cidade a Festa de São Pedro é feriado na cidade, além disso, essa festa é a mais forte depois do aniversário da cidade. As comemorações em homenagem ao Santo, geralmente, se inicia em Muritiba após o dia 25 de junho e seguem até o dia 28 – no chamado tríduo de São Pedro. O dia 29 sela o fim dos festejos juninos na tradição católica. Na cidade, antes da pandemia se comemorava a data com muitas atrações musicais.

Festa de São Pedro em Muritiba, 2015. Foto: Reprodução

Confira a oração para São Pedro:

“Gloriosíssimo São Pedro, creio que vós sois o fundamento da igreja, o pastor universal de todos os fiéis, o depositário das chaves do céu, o verdadeiro vigário de Jesus Cristo; e eu me glorio de ser vossa ovelha, vosso súdito e filho. Uma graça vos peço com toda a minha alma; guardai-me sempre unido a vós e fazei que antes me seja arrancado do peito o coração do que o amor e plena submissão que vos devo nos vossos sucessores, os Pontífices Romanos. Viva e morra como filho vosso e filho da Santa Igreja Católica, Apostólica, Romana. Amém!”

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três + seis =

Botão Voltar ao topo