CulturaDestaqueNotíciasRegião

De vaias a João Roma a quadrilha na chuva: relembre momentos do São João 2022 de Cruz das Almas

O São João 2022 de Cruz das Almas terminou nas primeiras horas da última segunda-feira, 27, após cinco dias de festa. Foram muitos momentos marcantes, com inúmeras pessoas visitando o município. De acordo com a Prefeitura, cerca de 500 mil turistas passaram por aqui na última semana.

Para lembrar destes dias, nada melhor que a quinta-feira, com o famoso TBT, não é mesmo?

TBT é a sigla inglesa para Throwback Thursday, que quer dizer, ao pé da letra, “quinta-feira do retorno”, e é usado nas redes sociais para lembrar de bons momentos do passado.

Utilizando este artifício midiático, o Bahia Recôncavo listou alguns dos momentos marcantes dos cinco dias de festa. Confira abaixo.

João Roma é vaiado na abertura do São João 2022

Durante a abertura do São João de Cruz das Almas, na noite de 22 de junho, o prefeito Ednaldo Ribeiro (Republicanos) discursou no palco do circuito Luiz Gonzaga antes do início dos shows. Na ocasião, políticos e primeiras damas estiveram juntos ao prefeito. Em destaque, esteve o pré-candidato ao governo da Bahia, João Roma (Republicanos).

Como de praxe, Ednaldo Ribeiro agradeceu a todos, especialmente a João Roma e ao presidente Jair Bolsonaro (PL). O momento rendeu vaias.

Mais tarde, durante pronunciamento de Roma, o microfone parou de funcionar por duas vezes. Neste momento foi possível ouvir vaias mais tímidas do público. Ao final do discurso, o pré-candidato sentiu a indiferença por não ser ovacionado ao gritar “Viva Cruz das Almas”.

Maiara e Maraísa lembram de Marília Mendonça

Já no segundo dia, em 23 de junho, um dos momentos mais emocionantes aconteceu quando a dupla sertaneja Maiara e Maraísa fizeram homenagens à cantora Marília Mendonça, que morreu após um acidente de avião no ano passado.

Ao cantar a música Todo Mundo Menos Você, a qual as três gravaram juntas em parceria, Maiara e Maraísa pediram para o público acenderem as lanternas dos celulares. O resultado você pode conferir abaixo:

Paulo Ricardo/Bahia Recôncavo

Quadrilha na chuva

A tão esperada (temida) chuva apareceu com força na noite do dia 24, ou seja, no terceiro dia dos shows. Durante a apresentação da banda cruz-almense Rasga Tanga, as primeiras gotas começaram a cair. Logo em seguida, juntamente com o vento frio, parte do público correu para abrigar-se. O momento gerou resposta bem humorada do vocalista que disse que não adiantava correr porque “a chapinha já era”.

Se o público não voltou após a brincadeira, certamente se animou mais quando Rasga Tanga puxou músicas típicas deste período. Formou-se então grupos de desconhecidos performando quadrilhas juninas embaixo de chuva.

Os shows de Danniel Vieira e Bell Marques

Do dia seguinte, 24 de junho, o Bahia Recôncavo destaca os shows de Danniel Vieira e Bell Marques, os quais foram responsáveis por lotar e agitar a quarta noite dos festejos.

Danniel Vieira entrou primeiro no palco. Fez suas apresentações e, ao final, convidou o influencer Dum Ice para breve participação. Dum brincou com o público e puxou trechos de músicas do pagode baiano.

Mais tarde, em substituição ao cantor Wesley Safadão, Bell Marques não se deixou intimidar pelo convite de última hora e levou o público à loucura.

Último dia com Amado Batista

Para quem achou que o circuito de festas estaria vazio na noite de domingo, 26, esteve muito errado. O cantor Amado Batista, que foi o segundo a se apresentar, lotou o espaço. Ao cantar as suas principais músicas, o público também o acompanhou. Confira abaixo:

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × cinco =

Botão Voltar ao topo