BrasilEducaçãoEmpregoNotícias

Concurso do INSS: Como se preparar para mil vagas com salário de R$ 5.187

Você deve ter visto que o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) recebeu autorização do Ministério da Economia para abrir concurso para a carreira de técnico do seguro social. Serão disponibilizadas mil vagas. A remuneração do técnico do seguro social é hoje de R$ 5.186,79. Mas como se preparar para ter mais chances de ser aprovado?

O INSS é uma autarquia vinculada ao Ministério da Previdência e Assistência Social. O técnico do seguro social é aquele servidor responsável por lidar diretamente com o público nas agências do INSS: atende, orienta, esclarece dúvidas, agendar perícias, dá continuidade e analisa a revisão dos pedidos dos segurados da Previdência Social.

Edital deve ser em até seis meses A autorização do Ministério da Economia para o concurso do INSS foi publicada no Diário Oficial da União no dia 13 de junho. Agora, o INSS vai iniciar o processo para escolha da instituição que vai aplicar as provas. Na sequência, será elaborado o cronograma para, depois, ser divulgado o edital, e as inscrições serem abertas. A validade da autorização é de seis meses, ou seja, a publicação do edital tem que acontecer até dezembro.

“No entanto, em função do grande déficit de pessoal e da pressa na contratação de novos servidores, o edital deverá ser aberto bem antes disso”, diz Viviane Rocha, professora de Técnicas e Planejamento Estratégico de Estudos nos cursos da Central de Concursos. Segundo Marco Brito, coordenador pedagógico da Degrau Cultural, a partir do momento que o edital for divulgado, o INSS precisará cumprir um intervalo de quatro meses até a realização das provas, conforme determina o decreto presidencial 9.739/19.

“Como o INSS ainda deverá levar cerca de dois meses para o edital ser divulgado, haverá então, pelo menos, cerca de seis meses para se preparar até as provas”, afirma Brito.

Por conta própria ou em cursinhos preparatórios? Existem muitas formas de o candidato iniciar sua preparação, seja estudando por conta própria ou em cursinhos preparatórios. Há cursos online, EaD e presenciais e plataformas para resolução de questões. “Saliento a necessidade de fazer uma procura e buscar cursos especializados em preparação para concursos, apostilas com conteúdo atualizado e com resolução de questões que vão validar a absorção dos conteúdos”, diz Viviane.

Para ela, o candidato deve escolher a forma que mais se adequa à sua rotina. “Quanto mais autodidata for no processo, mais disciplina tem que ter”, afirma. Em cursos preparatórios, diz Brito, os professores vão direcionar os estudos para aquilo que, de fato, cai nas provas. “Assim, os candidatos não perderão tempo estudando coisas que não são importantes”, declara.

Veja mais dicas no site do UOL CLICANDO AQUI

Fonte: UOL

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 5 =

Botão Voltar ao topo