DestaqueEntretenimentoNotíciasPolítica

Campanha Meu corpo Não é Sua Fantasia é lançada nesta terça-feira (06)

Essa iniciativa visa ampliar as ações em defesa das mulheres durante a folia

Reconhecida internacionalmente, a campanha Meu Corpo Não é Sua Fantasia ganhou um novo e exitoso capítulo na luta contra a importunação sexual e a violência contra a mulher. Na tarde desta terça-feira (06), a Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, presidida pela vereadora Ireuda Silva (Republicanos), lançou a edição 2024 da iniciativa, que a cada ano se consolida como um dos principais projetos em prol da segurança nos circuitos do Carnaval. O evento ocorreu em frente à Câmara Municipal e foi conduzido pela republicana, que discursou e animou o público presente. A vereadora Débora Santana, membro da comissão, também esteve presente.

Em sua fala, a vereadora Ireuda Silva destacou a importância da campanha na conscientização da população sobre os limites e a integridade das mulheres durante o período festivo do Carnaval. “Em um período como esse, o machismo impera, importunando as mulheres. Não podemos aceitar. As mulheres têm o direito de se divertir. Os homens estão lá de sunga, sem camisa, e ninguém sensualiza isso. Mas as mulheres são importunadas e desrespeitadas, quando não têm seus corpos violados. Tem homens que já saem com esse objetivo. O turista já chega aqui olhando para a mulher como se ela fosse um produto na prateleira”, disse.

Ireuda também destacou a lei “Não é não”, sancionada em dezembro de 2023. A lei estabelece um protocolo de proteção às mulheres contra a importunação em eventos como shows, casas noturnas, boates, bares, restaurantes e outros locais fechados que comercializam bebidas alcoólicas. O propósito é assegurar que o público feminino não seja submetido a constrangimentos ou violências nesses ambientes.

O evento teve a participação e o apoio crucial de diversas autoridades, a exemplo da secretária municipal de Políticas para Mulheres, Fernanda Lordelo; da diretora da pasta, Fernanda Cerqueira; da desembargadora Nágila Brito; da promotora Sara Gama; da delegada da Deam de Brotas, Bianca Torres; de lideranças, da Guarda Municipal e outros representantes do poder público.

A campanha “Meu Corpo Não é Sua Fantasia 2024” percorrerá os circuitos da folia, realizando ações educativas e distribuindo material gráfico com informações relevantes sobre o tema, além de orientações sobre como proceder em caso de violência. A divulgação de canais de denúncia também é uma prioridade, visando proporcionar apoio às vítimas e facilitar o acionamento das autoridades competentes.

Desde 2019, a iniciativa tem se destacado por sua relevância e impacto social, desempenhando um papel de suma importância na prevenção de comportamentos inadequados e na garantia da segurança das mulheres durante as festividades carnavalescas. O projeto é referência adotada pela prefeitura de Goiânia e pela Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres, do governo federal. Nos últimos anos, observou-se um alarmante aumento de 50% nas notificações diárias de ocorrências de estupro durante o Carnaval, ressaltando a urgência e necessidade da campanha.

A Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher reforça o compromisso em enfrentar a importunação sexual e a violência contra a mulher, incentivando uma cultura de respeito e igualdade, especialmente durante um dos maiores eventos festivos do país.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + dezesseis =

Botão Voltar ao topo